Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘2. Lugares incríveis’ Category

Detalhe da Ilha da Queimada Grande (reprodução)

Detalhe da Ilha da Queimada Grande. (reprodução)

Localizada no litoral de São Paulo, a cerca de 35 quilômetros da costa de Itanhaém, a Ilha da Queimada Grande não possui praias e é cercada por rochas e paredões, o que torna bastante complicado o desembarque no local. Desabitada e de acesso restrito apenas a analistas ambientais e cientistas autorizados, a ilha é Área de Relevante Interesse Ecológico. Existe interesse de cientistas, ONGs, mergulhadores e outros de transformar a Ilha da Queimada Grande em um Parque Nacional Marinho e, assim, proteger também uma faixa de duas milhas náuticas ao redor da ilha, onde existem corais e várias espécies de peixes e tartarugas marinhas, e que atualmente é muito procurada por pescadores.

Vista aérea da ilha. (reprodução)

Vista aérea da ilha. (reprodução)

A ilha é muito bonita, com fauna e flora praticamente intocadas, topografia irregular, vegetação de árvores altas e grutas, mas não é apenas sua beleza que a coloca como um dos lugares incríveis do nosso planeta… em 2010 e 2011, o site Listverse, especializado em fazer listas sobre os mais variados assuntos, elegeu a Ilha da Queimada Grande como o pior lugar do mundo para se visitar, ficando à frente da zona contaminada de Chernobyl, da Porta para o Inferno (que já comentamos anteriormente em outro post do blog) e dos vulcões de lama do Azerbaijão.
Mas o que torna esta bela ilha um lugar tão terrível? Bem, ela é conhecida como “ilha das cobras”… isso já é um claro sinal de sua natureza. rsrs

(mais…)

Anúncios

Read Full Post »

Vista aérea do Salto Ángel. (reprodução)

Vista aérea do Salto Ángel. (reprodução)

O Salto Ángel é a mais alta queda d’água permanente do mundo, com impressionantes 979 metros de altura, sendo 807 deles em uma queda sem interrupção. O salto é gerado pela queda do rio Churún pela face da montanha Auyantepui, conhecida como “a montanha do mal”, e faz parte do Parque Nacional de Canaima, constituído em 1962 e declarado Patrimônio da Humanidade pela UNESCO, em 1994. O parque é o sexto maior do mundo e, com uma área de 30 000 km², é maior que a Bélgica.

(mais…)

Read Full Post »

Vista da Glass Beach, em Fort Bragg, Califórnia. (reprodução)

Vista da Glass Beach, em Fort Bragg, Califórnia. (reprodução)

Uma frase que melhor resume Glass Beach é “a praia que fez do lixo um tesouro”. Localizada no MacKerricher State Park, próximo à cidade de Fort Bragg (no norte do estado da Califórnia), a exótica praia é formada por um tapete de pedras de vidro multicolorido que brilham sob a luz do sol.

Mas, quais as origens desta praia formada por pedaços de vidro e que tanto encanta os turistas que a visitam?
Bem, o vidro é proveniente do lixo doméstico que os moradores da região simplesmente atiravam dos penhascos que contornam a costa da região no início do século XX. Tudo era descartado no mar: lixo, garrafas, eletrodomésticos e até mesmo carros velhos! Algo impensável para os dias atuais, mas que naquela época era uma prática comum. A situação chegava a tamanho descontrole que, às vezes, incêndios eram iniciados para reduzir o tamanho da pilha de lixo abandonado no local.

(mais…)

Read Full Post »

A Gruta do Lago Azul, em Bonito - MS.

A Gruta do Lago Azul, em Bonito – MS.

Finalmente, depois de meses de existência, o nosso blog vai falar sobre um lugar localizado no Brasil. Demorou um pouco, mas começaremos em grande estilo!! O lugar escolhido foi um dos mais belos do nosso país: a Gruta do Lago Azul, que fica a apenas 20 km do centro da cidade de Bonito, no Mato Grosso do Sul.

Descoberta por um índio Terena em 1924, a mundialmente conhecida caverna é um monumento natural cujo interior é formado por estalactites, estalagmites e um grande lago azul, com dimensões que a tornam uma das maiores cavidades inundadas do planeta. Foi tombada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) em 1978, sendo inscrita em três dos quatro livros do tombo: o etnográfico, o paisagístico e o arqueológico. Este tombamento garantiu a preservação daquele que é o principal cartão-postal de Bonito.
Em 1992, uma expedição formada por brasileiros e franceses encontrou uma série de fósseis de mamíferos no local, como tigres dente de sabre e preguiças gigante, que viveram durante o período geológico do Pleistoceno (de 6 mil a 10 mil anos atrás).

(mais…)

Read Full Post »

Pamukkale: o Castelo de Algodão...

Pamukkale: o Castelo de Algodão…

Neste post, vamos falar sobre um belíssimo local na Turquia: Pamukkale que, em turco, significa “Castelo de Algodão”… apenas pelas imagens dá para se entender o porquê do nome! Situado na região de Denizli, no sudoeste do país e distante 650km da capital Istambul, trata-se de um conjunto de piscinas termais de origem calcária que, com o passar dos séculos, formaram grandes bacias de água azul turquesa que descem em cascata numa colina de rochas brancas como a neve. Tal fenômeno acontece porque estas fontes termais que brotam do chão à 35 graus esquentam o carbonato de cálcio e provocam o seu derrame, sendo que depois ele se solidifica como mármore travertino!

(mais…)

Read Full Post »

"O Cristo do Abismo" sob as águas do Mediterrâneo...

“O Cristo do Abismo” sob as águas do Mediterrâneo…

Aproveitando que no dia de hoje foi escolhido o novo Papa, vamos usar este post para destacar um lugar incrível relacionado à religiosidade…  na verdade, não um lugar incrível e sim uma atração incrível localizada na baía de San Fruttuoso, entre Camogli e Portofino, na Riviera Italiana. Tal atração, um dos locais sub-aquáticos mais visitados do mundo, é uma estátua de bronze de Jesus Cristo que fica submersa nas águas do Mar Mediterrâneo: a “Il Cristo degli Abissi”, ou “O Cristo do Abismo”, em português.
Esculpida por Guido Galletti, após sugestão do mergulhador italiano Duilio Marcante, a estátua de 2,5 metros de altura se encontra a 17 metros de profundidade e foi colocada sob as águas em 22 de agosto de 1954, próximo ao local onde morreu Dario Gonzatti, o primeiro italiano a usar equipamentos de mergulho. A estátua retrata a figura de Jesus Cristo em uma pose de oferenda: suas mãos e cabeça estão voltadas para cima, em direção à superfície da água.

(mais…)

Read Full Post »

Detalhe do Hotel del Salto e, ao fundo, o Salto del Tequendama.

Detalhe do Hotel del Salto e, ao fundo, o Salto del Tequendama.

Localizado na cidade de Soacha, a apenas 30 km ao sudoeste de Bogotá, encontramos um dos principais pontos turísticos da Colômbia: o Salto del Tequendama, uma impressionante cascata de 157 metros de altura que, após percorrer quilômetros pelas belas paisagens naturais da região, cai sobre um abismo rochoso em formato circular. A beleza da imponente queda d’água atrai milhares de turistas à região.
Segundo uma antiga lenda muisca, o Salto del Tequendama se formou pela ação divina de Bochica, que quebrou a rocha para escoar as águas que inundavam a savana de Bogotá. Mas alguns estudos indicam que isso pode não ser apenas uma lenda… há indícios que mostram que este fenômeno pode ter ocorrido de verdade! Mas por ação da natureza, e não divina!
Uma outra lenda diz que, durante a época em que os conquistadores espanhois invadiram a América do Sul, o povo indígena da região, para escapar da escravidão, pulava do Salto del Tequendama e se transformavam em águias que voavam para sua liberdade!

(mais…)

Read Full Post »

Older Posts »